As principais drogas na história

 Em tempos da busca de melhor qualidade de vida, muito se fala sobre a química e do mal que ela pode fazer ao nosso organismo. No entanto, tal visão limitada acaba por colocar a química como vilã e que aquilo que é dito como “não-natural” contenha compostos químicos, como é o caso dos medicamentos.

Resultado de imagem para pulp fiction cocaina gif

Figura 1 – Drogas

Estes, no começo do século XIX eram em sua maioria de “estrutura química e natureza desconhecidas” (Laporte et al. 1989, p. 293). Segundo Melo et al. (2006), após 1940 iniciou-se a introdução de novos fármacos, principalmente no ramo de cura de doenças infecciosas e muitas vezes letais. Tais avanços mudaram toda a crença de descrédito da sociedade em relação aos medicamentos. No entanto, estes compostos são drogas, as quais em altas doses podem levar a efeitos contrários desde dependência até a morte.  Mencionam-se, a seguir, algumas das drogas ao decorrer da história.

Segundo Paulo (2012), a psicilocibina pode ser considerada a primeira droga da história. Trata-se do cogumelo, um fungo consumido desde a época das cavernas por meio de seu chá, devido à alta característica polar da molécula. A psilocibina é um composto indólico derivado da triptamina e tem a nomenclatura química de éster fosfato 3-[2-(Dimetilamino)etil]indol-4-ol di-hidrogénio.

Resultado de imagem para psilocibina

Figura 2 – Psilocibina

Ayahuasca é um chá consumido por índios da bacia Amazônica há quatro mil anos. Segundo Lopes (2006), até hoje seu consumo se estende por outras tribos sul-americanas, as quais recebem visitantes que se interessam pelas festas e danças onde o chá é consumido. Foi assim também, com nativos adorando uma planta, que descobridores espanhóis descobriram a cocaína. Esta substância denominada cloridato de cocaína só foi ser isolada em 1863 pelo químico alemão Albert Niemann. Mais tarde, por volta dos anos 80, surgiria o crack em resposta ao alto preço da cocaína, misturou-a com bicarbonato de sódio. Tal droga leva a um estado de euforia máximo, mas no máximo 10 minutos,  e isso leva facilmente à dependência.

Resultado de imagem para ayahuasca ritual

Figura 3 – Ayahuasca

A cannabis, mais conhecida por maconha, é originada da Ásia Central e consumida há mais de 10 mil anos. Seu uso farmacêutico na China e até sagrado na Índia desde tempos remotos faz com que até hoje seu consumo seja defendido por muitos devido ao seu amplo uso medicinal. O ectasy começou a ser usado em 1960, fruto das pesquisas do cientista americano Alexander Shulguin o qual procurava um remédio que estimulasse a libido. A heroína, descoberta em 1874, partiu do aprimoramento da morfina para tratar tosses. O que se descobriu foi que, quando injetada, seu efeito é veloz e provoca dependência rapidamente. Assim, sua produção foi proibida nos EUA em 1906.

Resultado de imagem para cannabis gif

Figura 3 – Cannabis

Por Skarlet Schubert
Licenciando em Química na Universidade do Estado de Santa Catarina


Momento Químico. Mundo da Química: Drogas. Projeto PRAPEG: Programa de Apoio ao Ensino de Graduação. UDESC – Joinville – Departamento de Química. Ano 2, Nº 11. Jun/Jul 2016. 1-8 p.

Referências

LOPES, Marco Antônio. Drogas: 5 mil anos de viagem. Disponível em < http://super.abril.com.br/ciencia/drogas-5-mil-anos-de-viagem>. Acesso em 06 de agosto de 2016.

MELO, Daniela Oliveira de; RIBEIRO, Eliane; STORPIRTIS, Sílvia. A importância e a história dos estudos de utilização de medicamentos. Disponível em < http://www.scielo.br/pdf/rbcf/v42n4/a02v42n4.pdf >. Acesso em 06 de agosto de 2016.

PAULO, João. Psicilocibina – a primeira droga da história. Disponível em <http://www.quimicavolatil.com.br/2012/08/psicilocibina-primeira-droga-da-historia.html>. Acesso em 06 de agosto de 2016.

Anúncios

Um comentário sobre “As principais drogas na história

  1. Pingback: Edição número 12 do Jornal – Portal da Química

O que você achou desse artigo?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s